segunda-feira, 30 de março de 2015

Agenda (Calendário) das sessões do Ilustre Conselho Filosófico de Kadosch Nº 1 - 2015

Observações
1) Não será elevado ao grau iniciático imediatamente superior o Irmão que deixar de receber as instruções do graus intermediários anteriores, bem como não tiver 50% de frequência nas sessões do seu grau e do graus anteriores desse Alto Corpo.
2) O candidato à iniciação deverá chegar até 30 minutos antes do início da sessão.
3) O Irmão não relacionado para elevação deverá comunicar-se com a Secretaria do Alto Corpo para verificar o motivo.
4) O candidato deverá apresentar os trabalhos exigidos para elevação até 30 dias antes da sessão de iniciação.

Contatos
Grande Venerável (Presidente) - Irmão CARLOS ALBERTO (99998-0767)
Tesoureiro - Irmão REYNALDO (99613-7734/2281-4972)
Chanceler - Irmão MARINHO (99678-0329/2570-4735) 
Secretário - Irmão MOISÉS RODRIGUES (99925-9106/2761-5778) - moisesfreitas2006@hotmail.com

Indicação de site (Rádio ESOTERICA.FM)

     A indicação de site é a página da Rádio ESOTERICA.FM.
Link para => ESOTERICA.FM
   A ESOTERICA.FM é uma rádio on-line que possui um canal de Música Brasileira, um canal de Música Clássica, um canal de Canto Gregoriano e um canal de Mantras.
  A Rádio ESOTERICA.FM disponibiliza vários vídeos musicais, além de publicar o importante programa sobre estudos esotéricos e de misticismo chamado LUX ESOTERICA.

domingo, 29 de março de 2015

Folder de divulgação e convite do 45º Conclave de Cavaleiros Rosacruzes

   Tradicionalmente, durante dois dias da Semana Santa, o Supremo Conselho do Brasil do Grau 33 para o Rito Escocês Antigo e Aceito realiza o Conclave de Cavaleiro Rosacruzes, no qual ocorre, entre outras atividades, a elevação de maçons ao Grau 18 (Cavaleiro Rosacruz).
     Segue abaixo o folder de divulgação desse importante encontro de maçons dos Altos Graus do Rito Escocês Antigo e Aceito.

sábado, 28 de março de 2015

Indicação de filme (Documentário Sabedoria e Antiguidades – Egípcios)

   A indicação de filme é o documentário Sabedoria e Antiguidades – Egípcios, produzido pelo Discovery Civilization.

   O documentário apresenta as características do Antigo Egito, tais como a agricultura, a religião, a política, o transporte e a relação do povo egípcio com o rio Nilo.

     Conhecer um pouco mais da história da antiga civilização egípcia permitirá ao maçom um melhor entendimento de importantes aspectos dos Graus Simbólicos e dos temas analisados no Grau 31 (Grande Inspetor Inquisidor Comendador) do Rito Escocês Antigo e Aceito, no qual é estudada a mitologia do Tribunal de Osíris e de seus personagens, entre eles: Osíris, Ísis, Toth, Maat.
Tutancâmon (ou Tutankamon) é um dos
importantes personagens da história do Antigo Egito.

sexta-feira, 27 de março de 2015

Os 4 elementos e o Rito Escocês Antigo e Aceito (O ar)

   Dando continuidade ao estudo dos Quatro Elementos (terra, água, ar e fogo) e o Rito Escocês Antigo e Aceito.
Link para => Introdução
Link para => A terra
Link para => A água
    Entre os 4 Elementos, o ar é o que possui o significado mais ligado ao espírito.
    Muitos povos da Antiguidade, entre eles os egípcios e os hebreus, associavam a vida a um sopro sobrenatural que penetrava no corpo humano.
   O Livro do Gênesis e, em consequência as tradições judaica, cristã e islâmica, relata que Adão, o primeiro homem, recebeu a vida a partir de um sopro divino (ou nephesh).
Michelângelo causou polêmica ao retratar a
criação do primeiro Homem com um toque
do dedo de Deus, ao invés do sopro divino.
  A Mitologia Egípcia narra que a deusa Ísis reviveu, momentaneamente, seu marido, o deus Osíris, com um sopro, a fim de receber dele o sêmen que gerou seu filho Hórus, o deus egípcio dos céus.
    Na Antiga Mesopotâmia, o sopro da vida tinha o nome de napishtu, o qual era concedido e retirado ao capricho dos deuses.
A deusa egípcia Ísis, segurando a Ankh (cruz sagrada
egípcia) e transmitindo o sopro da vida eterna à rainha
Nefertari, esposa de Ramsés II, tornando-a uma deusa.
    Outra simbologia relacionada ao ar são suas associações com os fenômenos atmosféricos e ao “mau humor” divino.
    Nesse caso, era comum nas antigas crenças, acreditar que trovões, ventos e tempestades sofriam a interferência de personagens como: o deus Thor (deus do trovão), entre os nórdicos; Santa Bárbara (protetora contra raios e trovões), entre os católicos; o deus Éolo (deus dos ventos), entre os gregos; e Júpiter (deus dos raios), entre os romanos.
Thor era um deus nórdico guerreiro, cuja arma
de combate era um martelo encantado
.
    No campo da Arte, o ar está associado aos fenômenos invisíveis ou intangíveis, ou seja, eventos percebidos, mas de existência sutil.
   Deste modo, metaforicamente, o ar pode estar relacionado às ideias, aos sonhos, à felicidade, à liberdade etc.
  Na simbologia religiosa, por estar numa posição entre o céu e a terra, o ar é associado à ascensão e à comunicação com o divino.
   Neste caso, são comuns as tradições religiosas e místicas que queimam incensos, perfumes ou oferendas com o objetivo de agradar a(s) divindade(s) ou provocar estados alterados de consciência.
   Na Maçonaria, alguns ritos, como o Rito Adonhiramita, realizam a cerimônia de incensação durante os seus trabalhos, simbolizando, entre outros, a purificação do ambiente.
O ritual de incensação ocorria nas antigas tradições gregas e
hebraicas. Ainda hoje, ela ocorre nas Igrejas Católica e
Ortodoxa, nas cerimônias de magia e na Maçonaria. 
   No período da Maçonaria Operativa, a lenda de Santa Bárbara, fenômenos atmosféricos associados à vida da santa, originaram a crença nessa mártir como padroeira dos pedreiros.
    De acordo com essa antiga crença europeia, na Idade Média, os pedreiros que trabalhavam no alto da construção de catedrais, castelos e palácios, devotavam suas orações à Santa Bárbara, buscando proteção para os seus trabalhos, durante os dias em que ocorriam chuvas fortes ou tempestades.
  No que se refere ao Rito Escocês Antigo e Aceito, os sons de trovões, ventos e tempestades (Prova do Ar) são importantes elementos apresentados na Maçonaria Azul (ou Graus Simbólicos).
  Nos estudos do Grau 23 (Chefe do Tabernáculo) e do Grau 24 (Príncipe do Tabernáculo), o Altar dos Perfumes (ou Altar dos Incensos), é um importante elemento da simbologia desses graus.
Altar dos perfumes, onde são acomodados
os turíbulos e as substâncias aromáticas.
   No Grau 29 (Grande Escocês de Santo André), são apresentados o Sinal do Ar e Anjo do Ar como importantes elementos ritualísticos na execução desse Grau.

quinta-feira, 26 de março de 2015

Aniversário de 179 anos do Conselho de Kadosch Nº 1.

    A Administração do Mui Poderoso Consistório de Príncipes do Real Segredo Nº 1 parabeniza todos os obreiros do Ilustre Benfeitor Conselho Filosófico de Kadosch Nº 1 pela passagem do seu centésimo heptagésimo nono ano de fundação.
Emblema do Ilustre Conselho Filosófico de Kadosch Nº 1.
    Nesta data, 26 de março de 2015, são dignos também de um parabéns muito especial os obreiros que compõem a Administração desse Alto Corpo da Maçonaria do Estado do Rio de Janeiro e do Rito Escocês Antigo e Aceito, comandado pelo maçom CARLOS ALBERTO FREITAS GUIMARÃES, com o título de Grande Venerável (Presidente).

quarta-feira, 25 de março de 2015

Indicação de site de interesse maçônico (Página para inscrição no Grupo S.O.S. MAÇONS)

    A indicação de site de interesse maçônico é a página para inscrição no Grupo S.O.S. MAÇONS.
Link para => Grupo S.O.S. MAÇONS
   O Grupo S.O.S. MAÇONS reúne Irmãos em torno do objetivo de estreitar os laços da família maçônica, com troca de informações entre seus associados, para ajuda, orientação, colaboração de profissionais da área médica, assistência social, administrativa, de socorro, em acidentes nas rodovias, emergências médicas, propiciando a troca de informações entre profissionais cadastrados no Grupo que pertençam à Ordem Maçônica, e demais membros associados. 
Na página de inscrição do Grupo S.O.S. MAÇONS, um Anjo Guardião
simboliza uma das mais importantes funções da Associação.

     Em hipótese alguma, o Grupo S.O.S. MAÇONS permite ser utilizado para a prestação de atendimentos profissionais remunerados, consultas médicas virtuais, comercialização de produtos, serviços, planos de saúde, literatura etc.
   O Grupo S.O.S. MAÇONS não aceita mensagens de cunho político, religioso, piadas e debates maçônicos ou profanos não relacionados com a missão do Grupo.
   Acesse o link da página de inscrição para obter mais informações e inscrever-se no Grupo S.O.S. MAÇONS.
   O Grupo S.O.S. MAÇONS é uma iniciativa de maçons voluntários, voltada à promoção da verdadeira FRATERNIDADE na Maçonaria.

terça-feira, 24 de março de 2015

Indicação de blog sobre a Maçonaria (Museu Maçônico Pelicano)

    A indicação de site sobre a Maçonaria é a página Museu Maçônico Pelicano, administrada por RICARDO VIANNA BARRADAS.
O Museu Maçônico Pelicano está
presente também  no Google+

Clique na imagem acima e acesse.
  O blog Museu Maçônico Pelicano divulga a Coleção Maçônica Pelicano, a qual tem por objetivo o colecionismo de todo o material da tradição, história e simbologia da liturgia, filosofia, doutrina e ritualística maçônica brasileira e internacional dos diversos ritos. 
  As peças expostas na Coleção Maçônica Pelicano pertencem ao exclusivo acervo de uma das mais importantes coleções particulares do país deste segmento, com a curadoria exclusiva e consultoria permanente do pesquisador brasileiro em Arte e Cultura RICARDO VIANNA BARRADAS.
   A Coleção Maçônica Pelicano exibe inúmeros objetos de interesse para a história da Maçonaria, tais como: fotos, medalhas, comendas, quadros e diplomas.
    Cada peça divulgada no blog é acompanhada de uma descrição e de uma referência específica.
    A visita ao Blog Museu Maçônico Pelicano oferece ao maçom a possibilidade de ampliar sua cultura em diversos aspectos da Arte Real.

segunda-feira, 23 de março de 2015

Música Los Hermanos, de autoria de ATAHUALPA YUPANQUI

    Clique no link abaixo e ouça a música Los Hermanos, composta e cantada pelo importante compositor e cantor argentino ATAHUALPA YUPANQUI.
Link para a música => Los Hermanos

    A música Los Hermanos exalta, de forma poética, a união, a fraternidade, a liberdade e a dureza dos trabalhos do dia-a-dia, numa perspectiva que muito se assemelha à da Maçonaria.
ATAHUALPA YUPANQUI é um dos grandes artistas
 da música regional argentina.
   A cantora argentina MERCEDES SOSA, o cantor uruguaio ALFREDO ZITARROSA e a brasileira ELIS REGINA também gravaram versões consagradas da música Los Hermanos.
   Segue abaixo a letra da música Los Hermanos, composta por ATAHUALPA YUPANQUI, e ao lado a tradução para a língua portuguesa.




domingo, 22 de março de 2015

Agenda (Calendário) das sessões da Augusta Loja de Perfeição Cruzeiro do Sul - 2015

1º SEMESTRE

2º SEMESTRE


    A Administração da Augusta Loja de Perfeição Cruzeiro do Sul ressalta à todos Veneráveis Mestres a importância de estimularem seus Mestres Maçons a prosseguirem suas jornadas maçônicas, se coloca à disposição para dirimir quaisquer dúvidas e relembra que a próxima Sessão Ritualística de Elevação ao Grau 4 (Mestre Secreto) ocorrerá no dia 13 de abril de 2015.


Contatos
Três Vezes Poderoso Mestre - JOÃO GUERRERO FILHO
guerreroperfeicao@hotmail.com - (21)99305-7842

Secretário - TOMAS SOUTO DE ARAÚJO
tomas-reaa@bol.com.br - (21) 99388-0472


sábado, 21 de março de 2015

Música Acácia Amarela, interpretada ao violão.

    Clique no quadro abaixo e ouça a canção ACÁCIA AMARELA, composta em 1981, pelo maçom LUIZ GONZAGA DO NASCIMENTO, o rei do baião, em parceria com maçom e maestro ORLANDO SILVEIRA, interpretada ao violão.
   A música é uma homenagem à Maçonaria e, no ano de 1997, foi gravada pelo Grande Oriente do Brasil, sob a execução da Orquestra Sinfônica e Coral Baccarelli.
    Segue abaixo, a letra da música Acácia Amarela:
"Ela é tão linda é tão bela
Aquela acácia amarela
Que a minha casa tem
Aquela casa direita
Que é tão justa e perfeita
Onde eu me sinto tão bem
Sou um feliz operário
Onde aumento de salário
Não tem luta nem discórdia
Ali o mal é submerso
E o Grande Arquiteto do Universo
É harmonia, é concórdia
É harmonia, é concórdia."
acacia
Acácia é um dos importantes símbolos
dos três primeiros graus da Maçonaria.

sexta-feira, 20 de março de 2015

Agenda (Calendário) das sessões do Sublime Capítulo Rosacruz Cruzeiro do Sul - 2015



Observações

- Todas as sessões tem início às 18:30 horas.
- É obrigatório o uso do traje maçônico completo, com a medalha do Alto Corpo na lapela.
- As sessões do Conclave dos Cavaleiros Rosacruzes terão início às 16:00 horas e ocorrerão nos seguintes dias:
1ª parte - dia 02/04/2015 (5ª feira)
2ª parte - dia 04/04/2015 (sábado)

Contatos
Aterzata OSNI WESLEY DE OLIVEIRA
osniwesley@msn.com - 98896-8389

Secretário ALESSANDRO MONTEIRO DE MENEZES
amonteiro@globo.com - 98397- 4900

Tesoureiro JOÃO CARLOS C. DE OLIVEIRA
jccdeoliveira@yahoo.com.br - 9 9971-9160
Estandarte do Sublime Capítulo
Rosacruz Cruzeiro do Sul

quinta-feira, 19 de março de 2015

A lenda de Santa Bárbara

    Complementando o estudo dos Quatro Elementos e o Rito Escocês Antigo e Aceito (O ar), segue abaixo a lenda de Santa Bárbara.
Link para o estudo => Os 4 Elementos (O ar)
   A tradição comum afirma que Bárbara, filha de Dióscuro, nasceu na região da Nicomédia, na Turquia, por volta do ano 280 depois de Cristo.
A Nicomédia (atual Izmit) era uma cidade localizada na atual
 Turquia, numa importante rota que liga a Europa à Ásia.
     Dióscuro, um alto funcionário do governador Diocleciano, a fim de preservar a castidade de sua bela filha, mandou construir uma grande torre, onde a manteria protegida.
    Conforme o relato religioso, Bárbara escolheu todas as características da torre e em seu quarto foram feitas duas pequenas janelas com grades (ou redes) para que a protegesse dos invasores.
As imagens de Santa Bárbara são normalmente apresentadas com uma torre.
    Durante as obras, em razão da proximidade que teve com a comunidade cristã que morava no entorno da construção, Bárbara converteu-se ardorosamente ao Cristianismo.
   Dióscuro, ao descobrir que sua filha era cristã, mandou aprisioná-la na própria torre como castigo.
   Pela simpatia que havia conquistado junto aos pedreiros durante as obras, sem que pai soubesse, Bárbara conseguiu que eles acrescentassem uma terceira janela em seu quarto, de modo a que pudesse honrar secretamente à Santíssima Trindade Cristã (o Pai, o Filho e o Espírito Santo).
A arquitetura religiosa católica usa
comumente o simbolismo da três janelas.
Embora com simbolismo diferente da lenda, o
painel do Grau 1 (Aprendiz) do Rito Escocês Antigo
 e Aceito também possui três janelas, com grades.
    Durante o período em que Bárbara esteve aprisionada, a torre era repetidamente atingida por raios durante as tempestades. Contudo, a construção permaneceu intacta durante anos, não permitindo que a jovem fugisse.
    Após ter sido submetida a diversos martírios (acoites, humilhações públicas, flechadas etc.) a fim de que negasse sua crença, Bárbara foi morta, decapitada pelo próprio pai, que não aceitou sua conversão à religião cristã.
  Após a morte de Bárbara, várias lendas se formaram acerca da sua vida, tornando a cidade da Nicomédia um local de peregrinação.
   Os fiéis acreditavam que Santa Bárbara era a responsável por enviar os raios que castigavam a torre durante as tempestades.
   Clique no link abaixo e ouça a lenda de Santa Bárbara narrada a partir de uma pregação católica.

quarta-feira, 18 de março de 2015

Os 4 elementos e o Rito Escocês Antigo e Aceito (A água)

    Dando continuidade ao estudo dos Quatro Elementos (Terra, Água, Ar e Fogo) e o Rito Escocês Antigo e Aceito.
Link para => A terra
   Entre os quatro elementos primordiais, a água é considerada como aquela que é fundamental para a existência da vida.
     Diferentemente da terra, que fornece a matéria-prima dos corpos, a água é a responsável pelo funcionamento dos seres vivos (processos circulatórios, digestivos, linfáticos, respiratórios etc.).
     Na Antiguidade e na Idade Média, a Alquimia estudava a água como portadora do “fluxo da vida”. Com essa crença, os alquimistas tentavam produzir um tipo de água com poderes especiais, o Elixir da Longa Vida.
O Elixir da Longa Vida facilitaria "o fluir da vida" 
pelo corpo humano e curaria todas as doenças. 
    A Alquimia da Idade Média entendia que a água detinha as capacidades de dissolver quaisquer substâncias e de retirar suas impurezas. Deste modo, os alquimistas utilizavam os processos de dissolução e de lavagem como formas de tornar mais puros seus produtos.
No Baphomet, as inscrições 
solve coagula referem-se 
à purificação alquímica. 
   A crença nas propriedades purificadoras da água e o seu uso nas cerimônias de iniciação, na recepção de novos membros e em rituais sagrados é muito utilizado por várias religiões e ordens místicas.
    O Cristianismo, através do batismo, o Judaísmo, através do mikvá (ou mikvah, ou mikvé), o Hinduísmo, através do banho religioso no rio Ganges, ou mesmo o "banho festivo" que se dá em novos membros de sociedades secretas ou universidades são exemplos de tradições que usam a água para dissolver o "homem anterior", pecador e impuro, para emergi-lo purificado e digno de fazer parte do novo grupo.
    Em algumas cerimônias de purificação e de ablução (banho ritual), a água recebe antes uma consagração mística especial, passando a ser chamada de água lustral.
     Ao longo da História, as "águas sagradas" deram origem a locais e a recipientes consagradosEntre eles, os mais conhecidos são: a pia batismal, nas igrejas católicas, os caldeirões mágicos celtas, o Santo Graal, o Mar de Bronze, no Templo de Salomão, a Taça da Amargura maçônica, os leitos dos rios Ganges, Jordão e Estige e o tanque de Siloé, em Jerusalém.
O tanque (ou reservatório) de Siloé é local citado na Bíblia, 
como o local onde Jesus curou um homem nascido cego.
   Na Maçonaria, personagens como: João Batista, que batizou Jesus no rio Jordão; Moisés, o nascido das águas; o deus Osíris, atirado no rio Nilo após ter sido esquartejado, e o patriarca Noé, estão diretamente relacionados à mitologia aquática.
   No Rito Escocês Antigo e Aceito, a água é usada em pequenas abluções no Grau 1 (Aprendiz), durante a Prova da Água, e no Grau 15 (Cavaleiro do Oriente). 
O arco-íris foi a marca no céu
da aliança entre Yahweh e Noé.

   No Grau 21 (Noaquita, ou Cavaleiro Prussiano), a  narrativa da Mitologia do Dilúvio simboliza a decomposição da humanidade impura pelas águas enviadas como castigo divino.

  Após a purificação pelo Dilúvio, ocorreu a reintegração do Homem ao amor divino, através da aliança firmada entre Yahweh (o Deus Único dos hebreus) e o patriarca Noé. Essa aliança assegurava que Deus não enviaria uma nova inundação como castigo aos homens. 

    No Grau 29 (Grande Escocês de Santo André), a água é um elemento importante. Nesse grau são ensinados os mistérios do Sinal da Água e do Anjo da Água.

terça-feira, 17 de março de 2015

Homenagem ao maçom SIDNEY JACCOUD.

    Na sessão do dia 16 de março de 2015, foi feita uma homenagem pela Administração do Consistório Nº 1 ao maçom do Grau 33 SIDNEY JACCOUD, o qual ocupa o cargo de Grande Mestre de Harmonia no Consistório Nº 1.
SIDNEY JACCOUD é o responsável pela Cortina Musical
das sessões dos Graus 31 e 32 do Consistório Nº 1.

     No texto da homenagem, lido pelo Comandante-em-Chefe do Consistório Nº 1, MILTON ANTÔNIO GRAÇA DO SACRAMENTO, foi relatado seguinte:

    "Quando fui designado para a Presidência do Consistório Nº 1, vi-me à frente de uma das mais importantes oficinas de estudos maçônicos do nosso País. 
    Ao perceber a dimensão da responsabilidade que me fora atribuída, entendi que todo esforço que eu fizesse seria em vão, se não pudesse contar com uma equipe de maçons de altíssimo nível, a fim de que eu pudesse compartilhar minhas dúvidas e dividir as diversas tarefas que surgiam. 
   Foi nesse contexto de dificuldades iniciais que tive contato com um digno maçom que, desde o início, disponibilizou-se integralmente à tarefa de atender a este Consistório. 
  O maçom a que me refiro é o nosso Irmão SIDNEY JACCOUD, o qual é Mestre Instalado da Loja Indústria e Caridade, situada no município de Nova Friburgo, Secretário de Interior do GOB-RJ, Delegado Litúrgico do nosso Supremo Conselho e Grande Mestre de Harmonia deste Consistório. 
  Meu depoimento tem como base a fidelidade e o companheirismo demonstrado por esse maçom que, ao longo desses últimos seis anos, atendeu a este Comandante-em-Chefe nos momentos de incerteza e foi um sensato conselheiro nos momentos de dúvidas. 
    A Presidência do Consistório Nº 1 não exagera quando reconhece no nosso Irmão JACCOUD um nobre exemplo a ser copiado e divulgado entre as Oficinas Maçônicas de todo o Brasil.
    Deste modo, por dever de Justiça, este Comandante-em-Chefe torna público o grandioso trabalho maçônico em prol do Consistório Nº 1 realizado pelo maçom SIDNEY JACCOUD. 
    Rogo ao Grande Arquiteto do Universo que o proteja e guarde, assim como à sua Família, e que os próximos anos da tua vida te sejam ricos de Saúde e de Prosperidade."

domingo, 15 de março de 2015

Convocação para a sessão de 16.03.2015 (Instrução do Grau 32)

    A Administração do Consistório Nº 1 comunica aos maçons dos Graus 32 e 33, regulares com o Supremo Conselho do Brasil do Grau 33 para o Rito Escocês Antigo e Aceito, que, às 18:00 horas do dia 16 de março de 2015, será realizada a sessão instrução do Grau 32 (Sublime Príncipe do Real Segredo), na Câmara Filosófica do Consistório Nº 1, localizada no Complexo Arquitetônico do Supremo Conselho do Brasil do Grau 33 para Rito Escocês Antigo e Aceito, no Campo de São Cristóvão nº 114, bairro de São Cristóvão, Rio de Janeiro - RJ.
     A instrução ficará a cargo do maçom MÁRIO LÚCIO DE LIMA NOGUEIRA, Grau 33 do Rito Escocês Antigo e Aceito.
   Sendo assim, os maçons pertencentes ao quadro de obreiros do Consistório Nº 1 estão convocados para participarem da sessão.

quinta-feira, 12 de março de 2015

Indicação de filme de interesse maçônico (Abraão)

    O Rito Escocês Antigo e Aceito é formado por diversos graus, cujo mito de origem é oriundo da tradição hebraica.
   Personagens como: Hiram Abiff e Salomão, no Grau 3 (Mestre), Enoque e Johaben , no Grau 13 (Cavaleiro do Real Arco), Zorobabel, no Grau 15 (Cavaleiro do Oriente) e Moisés, no Grau 25 (Cavaleiro da Serpente de Bronze) são figuras importantes hebreus, apresentados ao longo dos trinta e três graus do Rito Escocês Antigo e Aceito, cujas lendas ensinam virtudes como: a caridade, a fé, o amor e a coragem.
   Entre os antigos personagens hebreus, o patriarca Abraão (ou Abrão) destacou-se por ter dado início à tradição hebraica.
   Com Abraão, o povo hebreu (ou Povo Escolhido) iniciou o culto ao Deus Único e partiu em busca da Terra Prometida (Canaã).
   Para entender como a tradição hebraica influenciou no Rito Escocês Antigo e Aceito, é fundamental conhecer como teve início a formação do povo hebreu, especialmente no época em que viveu o patriarca Abraão.
   Clique num dos links abaixo e assista o filme Abraão, lançado em 1994 e estrelado por RICHARD HARRIS, o qual encena os fatos que marcaram o ministério de Abraão, o primeiro patriarca hebreu, à frente do Povo Escolhido.
Link para => Abraão (opção 1)

segunda-feira, 9 de março de 2015

Indicação de blog sobre a Maçonaria (Blog ESTUDOS)

   A indicação de blog sobre a Maçonaria é a página ESTUDOS "ACHAR MENOS - PROCURAR MAIS", administrada por IRINEU BIANCHI, o qual funciona desde o ano de 2011.
Link para o blog => ESTUDOS

     O blog ESTUDOS divulga uma coletânea de trabalhos sobre temas relacionados à Maçonaria, tomando por base tanto textos explicativos, como o sistema de perguntas e respostas dos leitores.


    Nas pesquisas apresentadas são abordados temas como: a Mitologia e História da Maçonaria, bem como a Ritualística, a Liturgia e Filosofia da Arte Real.

   No blog ESTUDOS são apresentados esclarecimentos relacionados ao dia-a-dia maçônico, como também são realizadas análises de caráter filosófico sobre a Ordem Maçônica.
   A leitura do blog ESTUDOS demonstrará ao leitor a preocupação da Administração daquele blog em responder todas as questões apresentadas pelos leitores. 
    Deste modo, a visita ao blog ESTUDOS constitui-se num importante recurso para os pesquisadores e estudiosos da Maçonaria.

Os 4 elementos e o Rito Escocês Antigo e Aceito (A terra)

     Dando continuidade ao estudo dos Quatro Elementos e o Rito Escocês Antigo e Aceito.
    Entre os 4 Elementos, a terra é o elemento que possui significado mais relacionado ao mundo material, ao plano físico e à caracterização do ser humano com animal.
   A crença que o Homem se originou no interior da terra é mais antiga que a história da Humanidade.
   Em algumas tradições da Pré-História, a capacidade do elemento terra “parir” alimentos foi associada ao poder feminino parir pessoas. Deste modo, a terra era relacionada simbolicamente ao útero.
Vênus
A Vênus de Willendorf é uma escultura pré-histórica
 que ressalta os atributos relacionados à capacidade
reprodutiva e à sexualidade femininas.
    Em algumas das primeiras civilizações, a perplexidade diante a gravidez, a qual era considerada um fenômeno mágico, deu origem à adoração à Grande Mãe (ou Deusa-Mãe)
  Na Antiguidade, a Grande Mãe foi cultuada através de deusas como: Eurínome, Hera e Afrodite (na Grécia Antiga), Tiamat (na Suméria), Ishtar (na Caldéia), Nerthus (na Germânia), Vênus Genetrix (na Roma Antiga) e Ceridween (entre os celtas).
      No filme As brumas de Avalon é retratada a época da transição do culto à Grande Mãe para o culto a Jesus Cristo, entre os antigos celtas. 
     Clique numa das opções abaixo e assista o filme As brumas de Avalon.
Link para => As brumas de Avalon (opção 1)
Link para => As brumas de Avalon (opção 2)
    Várias mitologias antigas relatavam que o elemento terra foi a matéria-prima original usada na criação do Homem.
   Na Mitologia Grega, após o Grande Dilúvio enviado por Zeus e Poseidon para castigar a desobediência dos homens, o planeta Terra foi repovoado a partir das pessoas nascidas das pedras atiradas por Deucalião e Pirra, na terra ainda úmida .
  Ainda na tradição grega, os primeiros deuses com características humanas foram gerados no interior da deusa Gaia (ou deusa Géia, deusa-Terra, ou planeta Terra).
A imagem da deusa Gaia (ou Géia) era associada
a uma mulher, cujo útero era o próprio planeta Terra.

     Na Mitologia Cristã, o primeiro homem, Adão, é formado a partir da terra (ou do barro), conforme o relato do Livro do Gênesis.
   Na Alquimia e no Hermetismo, o elemento terra simbolizava a necessidade do Homem descer aos submundos (através da morte, da dor ou do sofrimento) como fase obrigatória do seu processo de aperfeiçoamento e de renovação.
 Conforme ensinava o pensamento hermético, personagens como Orfeu, Héracles (ou Hércules), Osíris e Jesus, necessitaram descer ao “reino dos mortos” antes de cumprirem seus destinos humanos.

   Na Filosofia, a saída do Homem do mundo subterrâneo em busca da Verdade foi representada por Platão, no Mito da Caverna (ou Alegoria da Caverna).
Link para => O mito da caverna 
    Na Doutrina Hermética, a descida aos submundos está descrita na sigla V.I.T.R.I.O.L., a qual significa: “Visita o interior da terra e retificando-te encontrarás a Pedra Oculta”
Na obra A Divina Comédia, Dante Alighieri e o poeta
Virgílio descem ao Inferno (mundo dos mortos),
auxiliados por Caronte, o barqueiro.
   No que se refere à Maçonaria, vários graus utilizam imagens como cavernas, criptas, sepulcros e câmaras ocultas para representar a descida do Homem ao interior da terra ou ao interior de si mesmo.
   Simbolicamente, no Grau 1 (Aprendiz), o neófito renasce a partir da terra (Câmara das Reflexões), após ter descido ao interior de si mesmo, correspondendo à Prova da Terra.
   A seguir, no Grau 3 (Mestre Maçom), o iniciado morre, é sepultado e renasce, a partir da terra, como mestre de si mesmo.
   No Grau 13 (Cavaleiro do Real Arco), a descida de Adonhiram, Stolkin e Johaben pelas ruínas do Templo de Enoque para resgatar o Delta Sagrado (ou Palavra Perdida, ou Nome Inefável) e entregá-la ao rei Salomão, é um símbolo de que a Verdade está guardada no interior da terra.
Emblema do Grau 13
     No Grau 29 (Grande Escocês de Santo André), encontra-se como referência o Sinal da Terra.
   No Grau 32 (Sublime Príncipe do Real Segredo), o ingresso do iniciado em uma cripta, para lá encontrar a sabedoria dos Grandes Filósofos, simboliza a necessidade da descida à terra para encontrar a Sabedoria.
Leia => O significado da cripta no REAA
Os antigos símbolos
dos Quatro Elementos.
 

terça-feira, 3 de março de 2015

Indicação de filme de interesse maçônico (Forças Ocultas)

   A indicação de filme de interesse maçônico é a película Forças Ocultas (Force Occultes), a qual é uma obra de ficção, lançada no ano de 1943, em Paris, pelo cineasta francês PAUL RICHE.

    O filme Forças Ocultas aborda a atuação da Maçonaria Francesa, no período da ocupação da Alemanha na França, durante a Segunda Guerra Mundial.

    A história narra a trajetória de um jovem deputado francês que utiliza a Maçonaria como forma de melhorar socialmente e de inserir-se no universo político francês.

     Na obra, é pela primeira vez simulada no cinema uma cerimônia de iniciação maçônica. 
    Clique num dos links abaixo e acesse o filme.
Link para o filme => Forças Ocultas (Opção 1)
Link para o filme => Forças Ocultas (Opção 2)